fbpx

Sofre de alergia na Primavera? 5 alimentos que ajudam a combater os sintomas.

Tempo de leitura: 3 min

Escrito por Oh!Elsa
em 11 de Abril, 2021

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.
Sofre de alergia na Primavera? 5 alimentos que ajudam a combater os sintomas.

As alergias sazonais são um problema recorrente para muitas pessoas, principalmente na Primavera. Existem vários tratamentos para as mesmas, como medicamentos anti-histamínicos, mas pouca gente sabe que é possível consumir alimentos que naturalmente ajudam a combater os sintomas das alergias. Estes sintomas são principalmente espirros, comichão nos olhos e corrimento nasal.

Este tipo de alergia está associado ao pólen produzido durante a Primavera, mas pode ocorrer também no Verão. Outros sintomas podem ser maior cansaço, perda de olfato e dor de cabeça. Há também quem a defina como rinite alérgica ou febre dos fenos. A mesma é muito conhecida pois afeta um grande número de pessoas nos países ocidentais todos os anos.

Adicionar os alimentos certos à dieta poderá auxiliar na redução da inflamação e no reforço do sistema imunitário. Fique a conhecer que alimentos são estes.

1 – Cebola roxa

A cebola roxa tem um anti-histamínico natural chamado quercetina, que também tem propriedades anti-inflamatórias. Esta é facilmente adicionada a qualquer prato, como a saladas e sopas, e está bem presente na dieta mediterrânea. Neste vegetal, as maiores concentrações de quercetina estão nos anéis de fora e na zona mais próxima da raiz.

2 – Tomate

Tal como a cebola roxa, o tomate é rico em quercetina. Inclusive, foi provado que os tomates biológicos são mais ricos nesta substância naturalmente anti-histamínica que os não-orgânicos. Por isso, tenha em atenção esta denominação no momento de decidir onde irá comprá-los. Se os puder plantar você mesmo, melhor ainda.

3 – Citrinos

Os citrinos, como a laranja e o limão, são ricos em vitamina C. Esta vitamina é ótima para aliviar os sintomas das alergias sazonais e para reforçar o sistema imunitário. A mesma permite ainda combater constipações e gripes. Poderá consumi-las diretamente, ou em sumos naturais. Seja como for, é essencial incluir fontes de vitamina C na sua alimentação. Se não gostar de citrinos, tem como alternativa o kiwi, outra fonte natural desta vitamina.

4 – Salmão

O salmão é rico em ómega-3, uma gordura saudável que reduz a inflamação e os sintomas mais comuns das alergias. Quanto mais fresco o peixe, mais os benefícios para a saúde. Outros peixes ricos em ómega-3 são o atum e as sardinhas. Se preferir, existem também suplementos de óleo de peixe que contêm esta gordura.

5 – Gengibre

O gengibre tem efeitos sobre a inflamação da garganta e dos olhos, permitindo reduzir o pingo no nariz causado pelas alergias. Este alimento foi utilizado durante séculos como um anti-inflamatório natural com propriedades anti-histamínicas. O mesmo pode ser consumido no chá, na água ou na limonada. Inclusive, existem pratos que utilizam o gengibre como ingrediente.  No entanto, importa reforçar que as propriedades do gengibre podem ser mais fortes quando o mesmo é fresco e não desidratado.

Por outro lado, existem alguns alimentos que aumentam os sintomas das alergias sazonais. Entre estes estão os lacticínios, como leite, manteiga e queijo, e a comida processada. Tal está relacionado em parte com a presença de gorduras prejudiciais à saúde, capazes de aumentar a inflamação no organismo causada pela alergia.

Além do mais, álcool, café e chocolate estão entre os alimentos capazes de aumentar a produção de histamínicos no organismo. Por isso, é recomendado evitá-los nos dias em que exista mais pólen no ar e os sintomas sejam piores.

Existem outras recomendações para diminuir os sintomas das alergias, como utilizar soro fisiológico para humedecer e limpar o nariz diariamente, ou lavar o cabelo ao final do dia para retirar o pólen. É igualmente recomendado aspirar a casa com mais frequência e evitar abrir as janelas.

Em conjunto, todas estas recomendações irão permitir-lhe reduzir os sintomas provocados pela alergia sazonal da Primavera. Caso os sintomas persistam, poderá ainda consultar um profissional médico, que lhe poderá recomendar tratamentos adicionais, como imunoterapias.

Já conhecia as propriedades de cada um dos alimentos referidos? Conhece mais algum? Se sim, partilhe connosco nos comentários.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.